“O Brigadeiro está morto” por Tom Baker

Nick Courtney morreu ontem, após uma longa e dolorosa batalha contra o câncer. Me despedi dele na sexta numa excelente casa de repouso perto de Belsize Park na parte Norte de Londres. A chefe do lugar disse que ele era muito tranquilo. E de fato era. Foi tão angustiante vê-lo tão fraco e ainda tão resistente. Minhas piadas foram recebidas com um enorme esforço do Nick em sorrir. Eu estava com Michael McManus que me ajudou a ver um querido velho colega tão reduzido pela doença.

De todos os personagens em Doctor Who não há dúvida de que ele é o mais amado pelos fãs pelo seu pomposo papel como o Brigadeiro. ”Cinco salvas de palmas rápido” era uma frase que todos adorávamos, sempre dirigida ao Sargento Benton. Os amigos mais próximos de Nick, simplesmente adoravam-no. Havia uma certa inocência em sua personalidade que era completamente amável.  Ele era fácil de se provocar, e eu fiz minha parte, o que o fez mexer a cabeça sem acreditar, quando percebeu.

Ele era uma companhia maravilhosa e seus amigos poderiam ligar ou mandar email uns aos outros para contar as últimas histórias de uma saída com o Brig. Ele tinha uma voz maravilhosa, ressoante, que ele usava de forma brilhante quando contava histórias. E o seu histórico era fascinante também: nascido em Alexandria, Egito, falava francês e árabe. Depois ele aperfeiçoou o inglês e depois de alguns drinks ele falaria frases em latim, para grande alívio cômico.

Sentiremos muita falta dele.

Nos acompanhe e curta nosso conteúdo!
error
Fechar Menu