“Mais orçamento, mais qualidade”

Esse ano, Torchwood não irá apenas mudar de endereço, de Cardiff no País de Gales, para os EUA graças a um acordo entre Starz e a BBC Worldwide, mas de acordo com um dos protagonistas da série, John Barrowman, os valores da produção estão maiores do que nunca e a série só fica maior.

“Há muito mais que se pode fazer com Torchwood, agora que viemos pros Eua. Será ainda maior e melhor…as cenas estão mais perigosas e a química sexual é mais explosiva…O trabalho com cenas de ação é inacreditável. Eu costumava fazer várias cenas de ação, com exceção de quando precisava pular de prédios, mas agora não posso fazer nada por causa da política do seguro. Eu estou valendo muito mais aqui!”

Com um tom mais americano na forma de contar a história, Torchwood introduzirá personagens americanos. Mekhi Phifer interpretará o agente da CIA Rex Matheson e Bill Pullman está no papel de um assassino diabólico. Ernie Hudson, conhecido pelo seu papel em “Ghostbusters” também fará uma participação, assim como a estrela de “Dollhouse”, Dichen Lachman.

De qualquer forma, com o programa sendo produzido nos Eua, uma das principais perguntas vem sendo: O quanto o programa será atenuado? Nas últimas três temporadas, Torchwood estabeleceu uma ficção científica adulta que se completava com histórias chocantes, e temas sexuais com diferentes orientações.

Será que será atenuada pelo canal Starz? De acordo com Barrowman, não.

“Jack terá um pouco de diversão e o público vai ter exatamente o que quer E eu me divirto muito fazendo tudo isso!”

Torchwood estréia em 8 de julho no Starz. Mas ainda sem uma data confirmada pela BBC.

 

Fonte: Airlock Alpha

Nos acompanhe e curta nosso conteúdo!
error
Fechar Menu