Dra. River Song

Como muito se falou da Dra. River Song nesta terça feira, eu trago hoje um trecho de uma entrevista com Steven Moffat onde ele comenta um pouco sobre este personagem (claro que ele não revela quem ela é, mas achei a entrevista interessante).

O personagem de River Song retorna em 2010. O Doutor tem uma esposa?

“Isto não é necessariamente verdadeiro. Eu sempre pensei que era sua mãe. Não, em absolutamente lugar nenhum em Silence in the library ou Forest of Dead é afirmado que ela seja sua esposa. Pode ser. Tenho em minha mente quem ela é, claro – e não posso revelar. Eu sei quem ela é e é um pouco mais complicado que tudo isto.

Eu acho que uma das coisas legais de colocar o Doutor totalmente com os “pés atrás” é porque ele gosta de se exibir um pouco e ele gosta de ser “O Doutor!”, ser fantástico – e alguém simplesmente aparece e o “domina”. Por qualquer razão e qualquer que seja o relacionamento, ela o adora e ao que parece, ela está conhecendo sua versão jovem, aquele que não está exatamente ali ainda. Na cabeça dela, passa a seguinte idéia “Meu Deus, ele é um adolescente, um pouco hormonal, emocional. Acalme-se!” E eu acho que é muito divertido, porque ele é sempre “o rei”. E ele realmente não é [em Silence in the library]. Eu acho que há um romance, e um pouco de pavor ao conhecê-la novamente após vê-la morrer.”

O livro de spoilers de River Song é descrito no script?

“O livro “TARDIS”! Eu disse “Ela tem um livro azul como a TARDIS” e decidiram colocar os painéis nele. Realmente escreveram lá para ele. A Queda da Byzantium está lá…”

E ela tem a “squareness gun”…

“É obviamente a mesma arma que Jack usa no episódio The Empty Child e que provavelmente ele trouxe a bordo da TARDIS. Ele não esperava sair em The Parting of the Ways, então, River Song simplesmente pega a mesma arma que era dele – É a arma do Capitão Jack. Ela esteve na TARDIS – Mas não posso revelar o que ela estará fazendo lá.”

A entrevista toda está aqui.

Nos acompanhe e curta nosso conteúdo!
error
Fechar Menu